Visite
Ajoutez à vos favoris
Recommandez LB
o Louvre com a Bíblia
default.titre
default.titre
Subscreva à Newsletter !
www.louvrebible.org
Antiga Mesopotâmia
Mesopotâmia
Assíria Nínive
Arslan Tash, Barsip Til
Palácio de Dario, o Irã
Phoenicia Arábia Palmyra
Síria costeira
Ugarit Byblos




 

Estátua chamada
" o vaso que flui "

 
AO 22126

II dinastia Lagash

Tello, o Girsu antigos, Iraque
Calcite

Richelieu Sala 2
  

Esta estátua representa Gudea,
que reina no sul 
da Mesopotâmia
em 2120 antes de Jesus Cristos
 
Gudea leva vestido um roupão de linho
comprido com franjas e um boné
com bordas largas que, como a coroa
na nossa civilização, assinala o poder real.
 
O soberano está de pé e tem nas suas mãos un vaso de onde jorram ondas de peixes. Emblema da fertilidade das águas doces, é o atributo tradicional do deus Enki. Este tema do vaso de onde sai a água vivificadora é encontrado com frequência na mitologia mesopotâmica, refletindo talvez o relato de Gênises 2:10
 

Veado et corça bebendo
nos quatro rios do paraiso


MND 401

Denon Rdc sala 28
 

 
   
Este mosaíco ornamentava uma igreja na Tunísia. Como já faziam os Sumérios dois mil anos antes dele, o artesão ilustrou as qualidades vivificadoras da água enchendo a maré duma grande quantidade de peixes.

 





Carte Chronologie Figurines Plaquettes ou teraphimStatue Ur NingirsuAntiquités EgyptiennesAntiquités Romaines Haut de page